ServeStream Clique aqui para navegar no site
ServeStream Clique aqui para navegar no site
Ouvindo Agora:

JÁ SÃO TRINTA

cavalgada_01(1)

Cavalgada da Inconfidência chega à marca de 30 edições neste feriado de 21 de abril

PARA FACEBOOK Cavalgada 2018

Neste sábado, dia 21 de abril, um número importante será registrado na história da Cavalgada da Inconfidência. O feriado que celebra a memória de Tiradentes, o “Mártir da Conjuração Mineira”, em 2018 festejará a 30ª edição do evento, que reúne centenas e centenas de cavaleiros e amazonas, vindos de diversas regiões de Minas e até de outros Estados.

A cavalgada, idealizada pelo barrosense Baldonedo Arthur Napoleão, percorre o trecho da Estrada Velha entre os municípios de Tiradentes e São João del-Rei. A concentração para o evento acontece a partir das 8 horas, no Parque de Exposições tiradentino, com saída prevista para as 10h30min. Cerca de duas horas mais tarde, às 12h30min, os participantes desembarcarão na Avenida Presidente Tancredo Neves, em São João del-Rei, para uma solenidade cívica. Em seguida, será servido um almoço gratuito aos que participarem do cortejo, com show da Banda Bragadá.

O trajeto é de aproximadamente 12km, passando pelos arredores de Tiradentes, entrando em Santa Cruz de Minas e por fim atravessando o Bairro Matosinhos, em São João del-Rei, até alcançar a Avenida Presidente Tancredo Neves. O grupo será escoltado por uma viatura da Polícia Militar e contará, ainda, com a participação de integrantes do motoclube Koward’s, de Barroso. A pequena viagem será acompanhada também por um carro de som, entoando hinos e dobrados. A Rádio Liberdade FM é uma das apoiadoras do evento.

Participar da Cavalgada da Inconfidência, os organizadores exigem um pré-requisito: o espírito cívico. “A Inconfidência foi o primeiro movimento separatista e contra a corrupção governamental de que se tem notícia na história do Brasil. E ocorreu aqui, nas nossas terras. Essa história precisa ser relembrada, homenageada e saudada. Foi por isso que em 1988 essa cavalgada começou e esperamos que as próximas gerações deem seguimento a ela”, contou Baldonedo. “Não se trata de um passeio, nem de um desfile. É uma homenagem ao maior representante da Conjuração, que nasceu na nossa região e morreu por defender a liberdade ao lado de pessoas como a são-joanense Bárbara Heliodora e a pradense Hipólita de Melo, além dos dois Josés de Resende Costa, pai e filho”, completou o coordenador do evento.

Fotos do evento em 2017:

cavalgada_09

cavalgada_07

cavalgada_06

Compartilhe:

Apoio Cultural

Seja um apoiador cultural de nossa programação. Entre em contato com a gente e saiba como participar!

Parceria

Parceria


Últimas notícias